Santo Antão ganha infra-estruturas de apoio ao turismo até Janeiro

Dois miradouros, um centro de interpretação turística e um posto de turismo são algumas infra-estruturas turísticas que vão ser inauguradas entre Dezembro e Janeiro, em Santo Antão, com vista a “qualificação da oferta turística”, na ilha.

Os dois miradouros, que fazem parte de uma rede de miradouros que os municípios pretendem construir em toda a ilha de Santo Antão, estão já em fase avançada de construção em Campo Redondo (Planalto Norte) e Cova (Planalto Leste), podendo ser inaugurados até Janeiro.

A partir de Dezembro começa a funcionar o centro de interpretação turística, no Porto Novo, município que vai contar também a partir dessa altura com mais um posto de turismo, projetos a cargo da edilidade portonovense.

Os municípios do Paul e Ribeira Grande vão dispor também de centros de interpretação turística, espaços que já estão a ser implementados, em parceria com o projecto Redes Locais para o Turismo Sustentável e Inclusivo (Raízes), financiado pela União Europeia.

Também Ribeira das Patas, no interior do concelho do Porto Novo, terá dentro de pouco tempo um centro de interpretação turística.

Em Dezembro, a câmara do Porto Novo pretende ainda lançar as obras do projecto Rota de São João, prevendo-se, nos princípios de 2019, a requalificação do centro histórico do Tarrafal de Monte Trigo.

Fonte: InforPress

Notícias

Produtos hortícolas de Cabo Verde têm menos pesticidas do que os importados, explica director nacional do Ambiente

Santo Antão: Vinda de turistas islandeses à ilha confirma que turismo local está a conquistar novos mercados na Europa

Cabo Verde precisa de um quadro regulatório mais forte de integração entre a biodiversidade e o turismo

Sal: Praia de Santa Maria poderá hastear Bandeira Azul dentro de três anos – Biosfera1

Praias de Cabo Verde com condições para Bandeira Azul após aplicação de medidas – ONG