Sal reabre-se ao mundo da literatura

O Festival Literatura-Mundo do Sal (FLMSal) arranca na ilha do Sal, esta quinta-feira, pretendendo-se com o evento, na sua III edição, inserir a ilha turística como terceira dimensão literária em Cabo Verde.

À semelhança de anos anteriores, escritores, editores, tradutores, professores, investigadores e leitores interessados, de várias paragens do mundo, participam de diferentes painéis de apresentação e mesas de trabalho.

Pela terceira vez consecutiva, a abertura do evento será feita pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, também escritor.

“Já estamos num momento de saída à fase experimental de um evento literário novo em Cabo Verde", disse hoje, Filinto Elísio, em representação da editora Rosa de Porcelana, organizadora do evento.

“Quando se fala em literatura pensa-se também no Sal, não apenas o festival em si, mas uma série de dinâmicas literárias, lançamentos, encontros que têm havido no Sal nos últimos três anos”, referiu.

A lista das personalidades do mundo das letras, das academias da cultura, que deverão estar presentes no Sal para reflexões e debates literários é composta por 40 participantes, de diversas nacionalidades.

A curadoria é assegurada por Inocência Mata. 

A organização aproveita, mais uma vez, para convidar todos os salenses a participarem “ativamente” no certame da literatura internacional, que vai movimentar a ilha durante quatro dias, de 27 a 30 de Junho.

Fonte: Expresso das Ilhas

Notícias

Novo hospital da Praia é um complemento aos hospitais de Cabo Verde e não vai substituir o HAN – PCA

Câmara Municipal do Sal apresenta plataforma “inovador” GEO Sal

FMI aprova Instrumento de Coordenação de Políticas que vai permitir Cabo Verde acelerar o crescimento económico

Projecto Tartaruga promove capacitação em conceitos e práticas de patrulha do ambiente natural

Fogo: Master plan de turismo das ilhas do Fogo e da Brava identifica duas dezenas de projetos prioritários