Porto Novo: Governo disponibiliza 35 mil contos para habitações

A Vereadora da Ação Social, Joana Delgado, constata que a reabilitação e construção das casas na localidade do Porto Novo é uma prioridade. Neste sentido, o Governo disponibilizará 35 mil contos para apoiar o Município na reabilitação e construção de habitações Estima-se que mais de 300 famílias precisam de uma habitação condigna no Porto Novo. Apesar de não existirem dados concretos sobre o défice habitacional nesta localidade, foi uma constatação feita pela Vereadora durante as audiências e assegura que este problema precisa de uma intervenção urgente. Neste sentido, uma parceria com o Governo está a ser desenvolvida e também a Câmara recorrerá a recursos próprios para colmatar o défice habitacional. Para além da parceria com o Governo, que em 2017 disponibilizará cerca de 35 mil contos para apoiar o Município na reabilitação e construção de habitações, a Câmara Municipal do Porto Novo pretende investir cerca de 15 mil contos para melhorias das habitações. Um técnico do Ministério das Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação, chega hoje à cidade do Porto Novo para apoiar a edilidade no levantamento das necessidades do Município sobre habitação social, tanto a nível de construção como de reabilitação. O mesmo trabalhará juntamente com o Pelouro ligado à Habitação Social e com os técnicos da Câmara Municipal do Porto Novo na inventariação das carências em matéria de habitação social, com vista à adoção de um programa de intervenção no Município. A edilidade porto-novense anuncia o programa “Isdobe compô bô casa” (ajudamos-te a arranjar a tua casa) cujo objetivo é reabilitar 800 mil casas degradadas nos próximos quatro anos, após constatar que a habitação é um grave problema a ser enfrentado e, segundo a Vereadora, “a edilidade tem a consciência de que se está perante um problema bicudo, que urge atacar”.

Fonte: Notícias do Norte

Notícias

Santa Catarina: Autarquia inaugura ligações domiciliárias de água em Rincão

Ex-PR de São Tomé e Cabo Verde já em Luanda para observação eleitoral

Santo Antão recebe programas Start-up jovem e Fomento ao micro empreendedorismo

Adilson Gomes vai ser o novo Diretor-Geral das Artes

DGTT apresenta em Setembro o plano estratégico para o turismo

Festival de Praia d´Tedja com aposta no nacional

Requalificação da Baía das Gatas vai criar condições para atrair mais turistas e emigrantes – Augusto Neves

Ex-PM cabo-verdiano chefia missão de observadores da UA para eleições em Angola

Governo pretende “ampliar” transportes aéreos com os Açores

Santo Antão: Sodesa pode avançar depois da revisão do quadro legal sobre criação de sociedades de desenvolvimento

Época alta do turismo: Santo Antão espera receber 20 mil turistas 05

São Vicente acolhe quarta edição Carnaval de verão

Governo aprova privatização da companhia aérea cabo-verdiana

Cabo Verde beneficia do programa para melhoria dos assentamentos informais