Porto Novo: Governo avança com 60 mil contos para construção da estrada de acesso à Chã de Branquinho

A estrada de acesso à Chã de Branquinho, no interior do Porto Novo, poderá avançar em 2018, no quadro de um programa de desencravamento dos vales agrícolas em Santo Antão, na ordem de dois milhões de contos.

O edil do Porto Novo, Aníbal Fonseca, disse ter informações de que o Governo vai disponibilizar um montante de 60 mil contos para avançar, em 2018, com a estrada que ligará a zona agrícola de Chã de Branquinho ao resto do concelho, ainda com “sérios problemas” de encravamento.

Os agricultores em Chã de Branquinho têm vindo a reclamar a construção dessa via para facilitar o escoamento dos produtos agrícolas, considerando que o isolamento tem condicionado o desenvolvimento da agricultura nessa localidade, onde está localizada a barragem subterrânea.

Estimado em dois milhões de contos, o programa de desencravamento dos vales agrícolas em Santo Antão, anunciado pelo Governo, abrange ainda os vales de Chã de Norte e Martiene, também no interior do Porto Novo.

O autarca porto-novense admite que o concelho enfrenta ainda “graves problemas de encravamento” mas que a sua autarquia “não tem recursos para as intervenções” que são exigidas, constantemente, pelas populações.

Dominguinhas e Faial, outras localidades isoladas no interior do vale de Alto Mira, clamam, também, pelo desencravamento.

Fonte: A Nação

Notícias

Santo Antão: Vinda de turistas islandeses à ilha confirma que turismo local está a conquistar novos mercados na Europa

Cabo Verde precisa de um quadro regulatório mais forte de integração entre a biodiversidade e o turismo

Sal: Praia de Santa Maria poderá hastear Bandeira Azul dentro de três anos – Biosfera1

Praias de Cabo Verde com condições para Bandeira Azul após aplicação de medidas – ONG

Primeiros inspetores chefes da PJ de Cabo Verde com formação da congénere portuguesa