Nosi e Cabo Verde TradeInvest na China para dar avanço ao projecto de Computação em Nuvem da África Ocidental

A ideia é transformar Cabo Verde em um polo tecnológico avançado da África Ocidental.

A Cabo Verde TradeInvest, representada pela presidente, Ana Barber, e o Núcleo Operacional da Sociedade de Informação, NOSI, representado pelo Administrador Executivo Aruna Handem, iniciam esta terça-feira, 7, uma visita de 3 dias à empresa Macao Bringbuys Web Technology, na China.

A visita é realizada a convite da empresa, no seguimento do acordo de cooperação assinado no passado dia 21 de junho, no âmbito do 12º Encontro de Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre China e Países de Língua Portuguesa, que decorreu de 21 a 22 de junho, no Centro de Congressos de Lisboa, em Portugal.

A delegação terá a missão de conhecer o projecto West Africa International Cloud Computing Center proposto pela empresa.

Recorde-se que o documento assinado em junho afirma a intenção da Bringbuys configurar um centro de computação em nuvem, um centro de dados offshore, instituições de treinamento e incubadoras em Cabo Verde com planos de penetração em outros países da África Ocidental.

O projeto trará às empresas um “desempenho excepcional na indústria da Internet e na área de computação em nuvem”, de forma a transformar Cabo Verde em um polo tecnológico avançado da África Ocidental.

Fonte: A Nação

Notícias

Boa Vista: Cabo Verde Natura 2000 está a recrutar voluntários para a temporada de protecção das tartarugas 2019

São Vicente: “Março Mês do Teatro” com 15 grupos teatrais

Vendedores do mercado de Sucupira transferidos no final do ano

Augusto Neves anuncia construção de três hotéis em São Vicente a partir de Julho

Professores católicos defendem introdução de doutrina cristã no currículo escolar