Acesso ao financiamento do Programa Rota das Aldeias Rurais disponível a partir de segunda-feira

Um montante equivalente a 60 % do financiamento previsto já está na conta da Associação dos Municípios de Santo Antão (AMSA).

Orlando Delgado, presidente da AMSA, disse que “os requisitos exigidos vão ter que ser cumpridos” por parte dos beneficiários para que possam ter acesso aos fundos disponibilizados pelo Governo através do Fundo do Turismo, tendo em conta que são recursos públicos e, por isso, sujeito ao crivo do Tribunal de Contas.

“Os projetos que já tiverem reunidas todas as condições exigidas vão arrancando e as que ainda não tiverem essas condições vão ter de as criar para poderem ter acessos aos fundos” disse Orlando Delgado, explicando que nenhum projeto ficará condicionado à espera de um arranque simultâneo.

“É uma satisfação ter este projeto a arrancar porque já esperamos muito e já se sentia alguma incerteza” disse Emília Bandeira, operadora do concelho da Ribeira Grande, que foi adiantando trabalho e já só espera o financiamento para a conclusão do seu projeto.

Satisfeito estava também o operador Jorge do Rosário que, em declarações aos jornalistas, referiu-se ao tempo de espera para a implementação do projeto mas considera que o anúncio feito na reunião de hoje “traz uma grande satisfação a todos os beneficiários” e faz com que saiam “muito animados”.

O foco do projecto é o Turismo Rural Sustentável que procura reunir a exploração da riqueza da ilha com objetivos fixados para a geração de emprego, rendimentos e a capacitação social no imediato, curto, médio e longo prazo de trinta e seis novos empreendimentos na produção regional.

Rota das Aldeias Rurais é um projecto/programa vocacionado tanto para aumento da produção que amplia a margem de Santo Antão na constituição do PIB cabo-verdiano quanto a geração de rendimentos económicos e sociais que garantam a sustentabilidade do investimento proposto.

Um dos resultados demarcados configura o de se alcançar entre 150 e 200 empregos a curto e médio prazo, com a finalidade de “travar” a desertificação da ilha, de pessoas a procurarem outras paragens nacionais ou indo mesmo para o exterior à procura de emprego, rendimentos e sustentação da vida.

Fonte: A Nação

Notícias

Respostas rápidas: Quem deve pagar a Taxa de Segurança Aeroportuária?

São Vicente: Kiki Lima expõe “Real aparência” quando está prestes a completar 50 anos de pintura

Número de hóspedes aumentou 9,5% no segundo trimestre de 2018 face ao período homólogo – INE

Frescomar anuncia novos investimentos em São Vicente e no Sal de mais de seis milhões de euros

Direitos: Cabo Verde destaca em conferência no Canadá apoio do governo e instituições aos movimentos LGBTI

Santo Antão recebe três centros de interpretação turística para retratar património e identidade cultural da ilha

Raiz di Polon na 10ª edição do Festival de Teatro Lusófono

MCIC visita oficina de verão na Cesária Évora Academia de Artes

Filme cabo-verdiano “Firmeza” seleccionado para o Sacramento Underground Film & Arts Festival dos EUA

Filme “Os dois irmãos” selecionado para a competição oficial no 42º Festival de Cinema de Montreal/Canadá

Ilha do Fogo: Projecto “Rotas do Fogo” define estratégias e cria comités municipais para implementação do modelo agro-turismo

Nosi e Cabo Verde TradeInvest na China para dar avanço ao projecto de Computação em Nuvem da África Ocidental

Reconhecimento internacional do vinho do Fogo é exemplo para produtores de grogue de Santo Antão

“Se Cabo Verde não é capaz de organizar um discurso histórico, alguém será capaz”

Cabo Verde conquista duas medalhas de ouro no concurso Mundial de Vinhos Extremos em Itália

Editorial: Estado da Nação em “gestão corrente”

Quem comprar a TACV assume a gestão por, pelo menos, 5 anos

Primeiro-ministro anuncia proposta da Icelandair para comprar TACV

Exportações aumentam 14% no 2º trimestre deste ano

Empresários desesperam pela mobilidade económica

Angola, Brasil e Moçambique têm total de 720 mil "escravos modernos". Cabo Verde também faz parte da lista

Suspensão levantada. Cabo Verde Airlines já pode voltar aos aeroportos italianos

Cabo Verde apresenta programa da presidência da CPLP

“Os alunos que só sabem crioulo, o resultado é o isolamento”

Recém-criada Associação de Turismo do Maio almeja transformar a ilha num destino de excelência

A África precisa livrar-se da "Ajuda que mata", defende autora Dambisa Moyo