AJEC propõe plataforma de informações sobre oportunidades de investimentos

A Associação dos Jovens Empresários de Cabo Verde (AJEC) quer criar uma plataforma para facilitar a comunicação e oferecer informações aos empreendedores sobre oportunidade de investimentos e de negócio no país.

“Essa plataforma é um mecanismo através do qual pretendemos comunicar com os empreendedores cabo-verdianos e não só. Reconhecemos a importância de ter um espaço onde o empreendedor possa encontrar todas as informações de que precisa, quer seja da oportunidade de investimentos e de negócios, quer seja de estágios, empregos e tudo o que esteja ligado ao empreendedorismo”, avançou a vice-presidente da AJEC, Dilma Vieira, à saída de um encontro que manteve com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, a quem foi apresentar os novos projectos da associação.

Segundo Dilma Vieira, neste momento estão a analisar se vão transformar o site da AJEC nessa plataforma ou se vão criar uma plataforma de raiz que ajude e capacite os jovens a enfrentar o desafio de ser empreendedor.

Com esta plataforma, acredita que a AJEC vai estar mais perto dos seus associados e vai conseguir abranger todos os jovens do país.

Entretanto, explicou que um dos objectivos desta plataforma é ter todas a entidades promotoras do empreendedorismo dentro da rede global, para onde serão canalizadas todas as informações sobre o empreendedorismo, estando a associação a procurar o apoio institucional nesse sentido.

Conforme indicou Dilma Vieira, o encontro de hoje com o chefe do Executivo vai exactamente nesse sentido, ou seja, pretenderam apresentar o plano de actividades da associação a Ulisses Correia e Silva com o objectivo de estreitar as relações existentes com o Governo e dar seguimento ao protocolo assinado em Junho do ano passado no âmbito da promoção do empreendedorismo.

“O primeiro-ministro apreciou o nosso plano de actividades que vai ao encontro daquilo que o Governo tem planeado, e deste modo vamos ter um canal de diálogo e de mútuo acordo…”, sublinhou.

Para além da dinamização dessa plataforma, a AJEC pretende ainda criar uma base de dados que vai facilitar as informações sobre o perfil dos jovens cabo-verdianos, quem são esses jovens empresários, quais as suas necessidades, para depois definirem as medidas e as acções que respondam às suas necessidades.

Fonte: Jornal Económico

Notícias

Maio: Queijaria de Ribeira Don João almeja conquistar novos mercados este ano com o aumento da produção

Santo Antão: Grupo de investidores britânicos interessado na transformação do Centro pós-colheita em Centro agroindustrial

Só é património aquilo que temos hoje. Património é Presente

Câmara de Turismo de Cabo Verde vai ser transformada em Federação das Associações de Turismo

“MEETUP TREKKING” São Nicolau: Descobrir a cultura e as vivências locais, caminhando