Ulisses Correia e Silva quer impulsionar o desenvolvimento turístico do Tarrafal

O primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, disse hoje que o Governo está interessado em fazer com que Tarrafal de Santiago tenha o seu impulso a nível de desenvolvimento turístico.

O chefe do Governo fez esta afirmação, durante a sua vista oficial ao concelho do Tarrafal, onde no período de manhã esteve reunido com o presidente da câmara municipal, José Pedro Soares, com os empresários e com os deputados nacionais e municipais, no Salão Nobre da autarquia, para conhecer alguns projectos estruturantes para o concelho e para testemunhar a assinatura de dois protocolos.

Segundo Ulisses Correia e Silva, esta visita enquadra-se num conjunto de visitas que vão fazer em vários pontos do país, mas a intenção é de não voltar a ver e a ouvir os problemas que existem nesses municípios, como o problema da pobreza, do desemprego e de dificuldades de vida, mas vê-los com um outro olhar.

“Sabendo que os problemas existem, mas ir com soluções concertadas, criar condições de boas parcerias quer a nível do Governo e das câmaras municipais e quer a nível dos privados para dar-nos um sinal muito claro para ultrapassarmos esses problemas”, precisou.

Depois de conhecer os problemas e os projectos turísticos para o concelho do Tarrafal, o chefe do Governo disse que não vão poder resolver todos, mas vão priorizar soluções para serem concretizados.

Uma das prioridades está relacionada com a intenção do grupo Oásis Atlântico e a Câmara Municipal do Tarrafal em transformar a aldeia turística do Tarrafal num hotel, por isso o Governo está interessada em criar as condições para que este investimento seja concretizado.

“Estamos fortemente interessados em fazer acontecer e operacionalizar o conceito de fundo de investimento imobiliário, que acho exequível, onde pode haver participação do Estado com terrenos das ZDTI e a participação do município com o terreno activo”, assegurou.

De acordo com Ulisses Correia e Silva existem vários projectos em “pipeline” neste concelho, entretanto o Governo vai fazer o possível para criar as condições para a implementação de alguns, como é o caso do complexo de Chã de Baixo Resort.

Informou que o plano detalhado de Chã de Baixo Resort, segundo informações da ministra das Infraestruturas, vai ser rectificado na próxima semana, portanto estarão criadas as condições para que se possa iniciar e desenvolver esse investimento.

No que concerne ao Campo de Concentração do Tarrafal, Ulisses Correia e Silva assegurou que através desta visita vão dar um impulso para que este seja classificado como património mundial da humanidade.

“Temos que criar valor. Não são coisas que só têm que constar como histórias, essas histórias têm que render em termos de benefícios para o país, assim como acontece em todas as partes do mundo com museus, monumentos que não são peças mortas, mas sim têm vida. Portanto, estamos interessados em fazer isso e dar este impulso”, sublinhou.

Fez saber que durante essas visitas vão celebrar um conjunto de protocolos de cedência de edifícios públicos para o município, para que sejam criadas condições para uso e fins sociais, de formação e fins económicos.

Fonte: Inforpress

Notícias

Deputados aprovam alteração da lei da cooperação descentralizada

Cabo Verde vai assumir a presidência da Conferência dos Ministros das Pescas da sub-região africana em agosto

Cabo Verde participa na Assembleia do BAD na Índia para debater a importância do setor agrícola em África

CCISS prepara para diálogo com o Governo sobre a reforma da política industrial em Cabo Verde

Portugal inaugura Sal Beach Soccer na sexta-feira. Cabo Verde defronta Inglaterra

Paralímpico cabo-verdiano conquista segunda medalha de ouro em campeonato mundial

Paraolímpico cabo-verdiano conquista medalha de ouro no Campeonato do Mundo

Navio-escola Sagres atraca pela 30.ª vez no porto do Mindelo

Governo está determinado em reerguer a TACV

Miss Africa USA Nereida Lobo está em Cabo Verde para promover plataforma sobre educação

Apoio orçamental do Banco Mundial a Cabo Verde depende da restruturação da TACV

Cabo Verde valoriza sistema nacional de estatísticas, diz governante

Cabo Verde aposta na Parceria Especial com UE para criar 45.000 postos de trabalho

Consórcio Ecovisão Cabo Verde e Instituto Marquês Valle Flor lançam a campanha “Somos pelo Ambiente”

Bispo do Mindelo representa Igreja Católica de Cabo Verde em Fátima

Eslovénia desembolsa 2,4 milhões de euros para reforçar telemedicina em Cabo Verde

Cabo Verde nomeia novo embaixador em Angola

Primeiro-ministro reafirma no Fogo crescimento económico de 7%

PR quer que “Saniculau na Praia” contribua para o processo do desenvolvimento da ilha de São Nicolau

Provedoria de Justiça de Portugal quer levar a sua experiência de 40 anos a Cabo Verde

Liberdade de imprensa: MpD satisfeito com subida de Cabo Verde no ranking

Banco Mundial duplica financiamento para Cabo Verde, diz governo

Capital cabo-verdiana ganha empreendimento turístico de 50 milhões de euros