São Vicente/Economia Marítima: Técnicos chineses na ilha para planeamento da 1ª fase da Zona Especial

Ministro da Economia Marítima anunciou hoje que já se encontra no Mindelo a equipa técnica chinesa que juntamente com sua homóloga cabo-verdiana vai preparar a primeira fase de planeamento da Zona Económica Especial de Economia Marítima de São Vicente.

Em conferência de imprensa, José Gonçalves afirmou esperar que em Setembro tudo estará pronto, para passar então à fase de implementação do projecto, que deverá abranger sectores como estaleiros navais, portos, refinaria e turismo.

O governante admite mesmo que o Aeroporto Internacional Cesária Évora poderá beneficiar também com o projecto.

O secretário de Estado Adjunto da Economia Marítima, Paulo Veiga, que esteve na conferência de imprensa ao lado do ministro José Gonçalves, acrescentou que as duas equipas vão “analisar tudo e fazer o levantamento, construir um plano que não deixe nada de fora”, incluindo estradas, saneamento e infraestruturas de saúde, por exemplo.

José Gonçalves notou que o que está a ser pensado e projectado será construido “sobre estudos e pensamentos anteriores”, pelo que, afirmou “não podemos querer os louros todos”.

O governante apontou que o primeiro estudo do género que conheceu data de 1985 e chamava-se Africaport.

No que respeita ao porto de águas profundas de que tanto se tem falado, José Gonçalves reconhece que Cabo Verde precisa dele, mas descartou, para já, a possibilidade de o mesmo ser construído na baía do Porto Grande, de tão pequena e bela que ela é.

A equipa chinesa é composta de 17 especialistas, encontrando-se nela representadas “grandes empresas” do país asiático.

Do lado de Cabo Verde, os dois governantes não avançaram o número de elementos que compõem a equipa, mas ela integra técnicos do Instituto Nacional de Gestão do Território (INGT), dos ministérios das Finanças, dos Negócios Estrangeiros, da Economia Marítima, do Turismo e dos Transportes.

Fonte: InforPress

Notícias

Ponta Calhetona recebeu investimentos de cerca de 12 mil contos

NOSi Akademia recebe mais 48 estagiários

Cabo Verde Airlines começa hoje a ligar as ilhas

Ribeira das Patas Porto Novo: Grupos de mulheres apostam na transformação de frutas para garantir auto-emprego

Cabo Verde Airlines reforça voos para Lisboa com chegada de Boeing 737-300