Capitalização bolsista atinge 618 milhões de euros em Cabo Verde

A capitalização bolsista na Bolsa de Valores de Cabo Verde (BVC) atingiu, em 2016, o valor de 67 biliões 783 milhões 635 mil e 796 escudos cabo-verdianos (quase 618 milhões de euros), uma variação positiva de 8,5% face ao período homólogo.

Esta variação representou 41,6% do Produto Interno Bruto (PIB) de Cabo Verde, esta terça-feira, na cidade da Praia.

De acordo com dados do relatório de 2016 da BVC, apesar de ter havido uma ligeira diminuição do número de títulos cotados (-2,5%), o volume global de operações no mercado primário voltou a aumentar (9,2%) face ao período homólogo.

Foi atingido o montante de 15,8 biliões de escudos cabo-verdianos (cerca de 143,6 milhões de euros), com destaque para as emissões de obrigações através de oferta particular de empresas como a ASA, a TACV e o BAI e leilões de títulos do Tesouro.

O mesmo documento adianta ainda que, seguindo a tendência dos anos anteriores, o mercado primário da dívida pública teve maior dinâmica, pois, o volume de emissões rondou os 92% do volume global de operações no mercado primário.

O relatório da BVC destaca que, relativamente ao mercado de valores mobiliários, no cômputo geral, o ano de 2016 registou uma ”boa performance”, tendo em consideração as várias limitações macroeconómicas.

Em relação às transações no mercado secundário foi registado um “aumento considerável de transações (556,1%) face ao período homólogo. Contudo, a BVC realça o facto deste segmento continuar com pouca liquidez, tendo em consideração a frequência de transações (44 no total).

No que se refere à evolução das cotações das ações, o documento precisa que o ano de 2016 ficou marcado por uma maior oscilação de preços face aos anos anteriores, sendo que as ações de empresas como a petrolífera Enacol (17,5%) e a Sociedade Cabo-verdiana de Tabacos (27,83%) tiveram maiores variações relativamente a 2015.

Em sentido contrário, as ações do Banco Comercial do Atlântico (BCA) e da Caixa Económica de Cabo Verde (CECV) sofreram ambas quedas ligeiras, à volta de 3%.

Segundo a BVC, o mercado primário onde são transacionados os títulos do tesouro e as ofertas públicas de subscrição e venda tem sido o maior destaque do mercado de capitais em Cabo Verde.

Nos últimos três anos, foram mobilizados, através do mercado primário da BVC, o montante de mais de 43,1 biliões de escudos cabo-verdianos (cerca de 391 milhões de euros), o que representa 26,5% do PIB atual do país.

No ano passado, o volume de emissões foi de 15,8 biliões de escudos cabo-verdianos (cerca de 143,6 milhões de euros), gerando uma variação positiva de 9,2%, face ao período homólogo.

No que diz respeito ao volume de novas operações, por emitente, o Tesouro de Cabo Verde continua a destacar-se pelo número de emissões de títulos do tesouro levadas a cabo, numa média de 2,9 por mês, representando 92,4% do volume global emitido pela BVC em 2016.

Igualmente, são destacadas entidades como ASA, TACV e BAICV (todas através de Oferta Particular de Obrigações) que juntas mobilizaram um bilião 200 milhões de escudos cabo-verdianos (cerca de 11 milhões de euros), durante o ano passado.

No Mercado Secundário, contrariamente ao ano anterior, em 2016, as transações registaram um aumento considerável, tendo o volume de transações atingido o montante de quase um bilião e 400 milhões de escudos cabo-verdianos (cerca de 12,7 milhões de euros).

Esta realização foi fruto de transações em bolsa e transações fora de bolsa, gerando um acréscimo de mais 550% face ao ano transato.

No que tange ao volume de transações no mercado secundário, por tipo de título, em 2016, destaca-se as transações no segmento acionista que representa cerca de 97% do volume global de transações.

O destaque do relatório vai para o aumento do volume de transações das ações da Enacol no valor global de um bilião e 300 milhões de esudos cabo-verdianos (cerca de 11,8 milhões de euros).

Fonte: Panapress

Notícias

Banana de Santa Cruz poderia abastecer mercado turístico de Sal e Boa Vista

UNESCO recomenda a Cabo Verde ratificação de convenções sobre património imaterial

Comércio entre a China e os países lusófonos sobe 30,2% até Agosto

ONU alerta para esforço comum para atingir o desenvolvimento sustentável em 2030

IV fórum Mundial de Desenvolvimento Local: Presidente alerta que o mundo tem recursos para travar perdas no desenvolvimento humano e social e reduzir privação

Subsecretária-geral da ONU enaltece “história de sucesso” de Cabo Verde em matéria de desenvolvimento

Fórum vai trazer o mundo para Cabo Verde – representante das Nações Unidas

Secretária-Adjunta do Secretário Geral das Nações Unidas inicia hoje uma visita de três dias

Senegal apoia candidatura de Cabo Verde à Comissão da CEDEAO

PR participa na conferência que assinala Dia da Cultura e das Comunidades Cabo-verdianas em Portugal

Santiago: Calheta de São Miguel acolhe VI Encontro Técnico da Rede Temática da Proteção Civil 2017

Antigo Seminário de S. Nicolau: Gualberto do Rosário sugere a criação da Universidade Católica de Cabo Verde

Director-geral do Turismo e Transportes demite-se do cargo

Porto Novo: Governo avança com 60 mil contos para construção da estrada de acesso à Chã de Branquinho

Governo anuncia plano de emergência para responder à seca

Praia acolhe workshop sobre o “Estudo da Situação da Justiça em Cabo Verde”

Santo Antão: Grogue do Tarrafal de Monte Trigo já está a ser engarrafado para exportação

BCV prevê aumento do PIB próximo dos 4% em 2018

Governo sensível às questões da Diáspora cabo-verdiana

Cabo Verde nomeia embaixadores urbanos para sensibilizar nas questões de habitação

Santo Antão: Época alta do turismo arranca com os operadores optimistas

Ilha do Sal foi palco da 1ª edição da Gala “Cabo Verde Tourism Awards”

Fogo: Cerca de 110 mil contos dispensados aos municípios para o Turismo até 2021

Dia Mundial do Turismo comemorado sob o lema “Turismo sustentável, uma ferramenta para o desenvolvimento”

JPAI promove conversa aberta sobre Educação como Arma para o Desenvolvimento

Cabo Verde na Feira Internacional do Turismo Top Resa em Paris

Governo de Piemonte oferece unidade de produção de ração aos produtores do Planalto Norte de Santo Antão

Queijo de Santo Antão premiado em Itália

Santa Catarina: Terminal rodoviário estará pronto em Outubro

Boa Vista: Câmara Municipal e SDTIBM promovem semana de empreendedorismo