Cabo Verde e China renovam acordo no domínio da defesa

Estabeleceram-se linhas gerais de um novo protocolo de doação de materiais às Forças Armadas cabo-verdianas.

Os dois governantes reuniram-se na noite de quinta-feira, no Ministério da Defesa da China, onde traçaram a cooperação no domínio técnico-militar entre ambos países.

Luís Filipe Tavares, que se encontra de visita oficial à República Popular da China, desde 4 de novembro, reuniu-se, quarta-feira, 8, com o seu homólogo chinês, Wang Yi, na residência oficial deste em Pequim.

Os dois governantes, que já se tinham avistado, à margem da última Assembleia Geral das Nações Unidas, realizado em setembro, em Nova Iorque, passaram em revista a cooperação bilateral entre os dois países e traçaram novas perspetivas de cooperação na área da defesa, transportes aéreos, ordenamento do território, segurança portuária e economia marítima.

O governante cabo-verdiano cumpriu uma visita de intenso trabalho à República Popular da China, país com o qual foram analisados vários assuntos relacionados com a revisão do atual acordo de cooperação, o incremento das ações de capacitação dos recursos humanos das Forças Armadas nacionais e o estabelecimento das linhas gerais de um novo protocolo de doação de materiais às Forças Armadas cabo-verdianas.

Recorda-se que a China é parceira estratégica de Cabo Verde na implementação do projeto da Zona Económica Especial de Economia Marítima de São Vicente que deverá ter início em 2018/2019.

Fonte: A Nação

Notícias

Santo Antão: Vinda de turistas islandeses à ilha confirma que turismo local está a conquistar novos mercados na Europa

Cabo Verde precisa de um quadro regulatório mais forte de integração entre a biodiversidade e o turismo

Sal: Praia de Santa Maria poderá hastear Bandeira Azul dentro de três anos – Biosfera1

Praias de Cabo Verde com condições para Bandeira Azul após aplicação de medidas – ONG

Primeiros inspetores chefes da PJ de Cabo Verde com formação da congénere portuguesa