Santo Antão: Edilidade portonovense inicia construção de quatro miradouros para promoção do turismo na ilha

Quatro miradouros turísticos começam a ser construídos em alguns pontos de Santo Antão, no âmbito de um pacote de projectos que está a ser implementado pela câmara do Porto Novo, para “dar valor” ao turismo na ilha.

Valter Silva, vereador da edilidade, informou que esses quatro miradouros turísticos, que estão a ser construídos em Campo Rodondo, Bordeira da Ribeira das Patas, Lombo Figueira e Pico da Cruz visam “dar valor ao turismo rural”, mas também garantir a segurança dos turistas.

Já a partir de Dezembro, começam a funcionar o centro de interpretação turístico e um posto de turismo, espaços com os quais se pretendem, também, qualificar a oferta não só no município do Porto Novo, mas também em toda a ilha de Santo Antão.

A ideia, segundo o vereador, que responde pela área económica, é “qualificar a oferta turística” por forma a fixar turistas no município do Porto Novo e em Santo Antão, de uma forma geral.

Na próxima semana, tem início as obras de requalificação da praia balnear de Curraletes, nos arreadores da cidade do Porto Novo, “tudo numa óptica de aumento da diversificação da oferta de lazer e de atractivos”, segundo Valter Silva.

Em Dezembro, a câmara do Porto Novo lança, igualmente, as obras do projecto “Rota de São João”, prevendo, nos princípios de 2019, iniciar a requalificação do centro histórico de Tarrafal de Monte Trigo.

Também, em 2019, Ribeira das Patas terá um centro de interpretação turística.

Fonte: InforPress

Notícias

Novo hospital da Praia é um complemento aos hospitais de Cabo Verde e não vai substituir o HAN – PCA

Câmara Municipal do Sal apresenta plataforma “inovador” GEO Sal

FMI aprova Instrumento de Coordenação de Políticas que vai permitir Cabo Verde acelerar o crescimento económico

Projecto Tartaruga promove capacitação em conceitos e práticas de patrulha do ambiente natural

Fogo: Master plan de turismo das ilhas do Fogo e da Brava identifica duas dezenas de projetos prioritários