Ritmo de crescimento continua a acelerar em Cabo Verde

O ritmo de crescimento económico em Cabo Verde continuou a acelerar no terceiro trimestre do ano em curso, evoluindo positivamente face ao trimestre homólogo, numa conjuntura económica “favorável”, apurou a PANA de fonte autorizada.

De acordo com um inquérito aos agentes económicos levado a cabo pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o indicador de confiança relativamente ao Turismo, principal atividade económica do país, manteve a tendência ascendente dos últimos trimestres.

Segundo os mesmos dados, este indicador registou o valor mais alto dos últimos 31 trimestres consecutivos.

Os empresários do Turismo apontaram a insuficiência da procura e preços de venda demasiado elevados como os principais obstáculos do setor no período em análise.

No que toca ao Comércio em Estabelecimentos, o indicador de confiança registou o valor mais alto dos últimos 15 trimestres consecutivos, e a conjuntura económica no setor é favorável.

No terceiro trimestre de 2016, a insuficiência da procura e as dificuldades financeiras foram os principais constrangimentos apontados pelos agentes económicos do setor.

Já no que se refere à Construção, o indicador contrariou a tendência ascendente dos últimos trimestres, evoluindo negativamente face ao mesmo período do ano 2015.

A conjuntura económica no setor continua assim desfavorável, senddo a insuficiência da procura e o nível elevado da taxa de juro apontados como os principais constrangimentos do setor.

No que toca ao Comércio em Feira, o indicador de confiança situou-se acima da média da série, evoluindo positivamente face ao trimestre homólogo e a conjuntura no setor é favorável.

Relativamente à Indústria Transformadora, o INE avança que o indicador de confiança contrariou a tendência ascendente dos últimos trimestres, pese embora o facto de se situar acima da média da série.

No entanto, a conjuntura no setor é favorável e, segundo os empresários, a falta de matérias-primas e de mão-de-obra especializada foram os principais constrangimentos do setor no terceiro trimestre de 2016.

No setor dos Transporte e Serviços Auxiliares aos Transportes, o indicador de confiança manteve-se estagnado, situando-se abaixo da média da série.

Segundo o INE, a conjuntura no setor é desfavorável, e os empresários apontaram a concorrência e as dificuldades na obtenção de crédito bancário como os principais constrangimentos do setor no período em análise.

Fonte: Panapress

Notícias

Conselho de Ministros aprova lei que institui Zona Económica Especial de Economia Marítima em São Vicente

Missão empresarial de Cabo Verde em Portugal visita Marinha Grande para “aprender com os melhores” em investigação e design industrial

"Batuka". O novo video de Madonna com a Orquestra Batukadeiras

Ginástica Rítmica: Noa Veiga representa Cabo Verde no Mundial de Júniores na Rússia

São Tomé e Príncipe e Cabo Verde celebram acordo de supressão de vistos