Mulher eleita líder da principal Central sindical em Cabo Verde

A sindicalista Joaquina Almeida foi eleita, sábado, secretária-geral da União Nacional dos Trabalhadores de Cabo Verde – Central Sindical (UNTC-CS), a principal organização do género no arquipélago, integrada por 19 sindicatos, apurou a PANA na cidade da Praia.

A eleição de Joaquina Almeida, a primeira mulher a liderar uma central sindical em Cabo Verde,  ocorreu durante o VII Congresso da UNTC-CS, sob o lema “Justiça, Inclusão e Igualdade Sociais”, que teve lugar nos dias 25 e 26 de novembro num dos hotéis da Cidade Velha.

Participaram no evento 125 delegados de todo o país.

A também jurista, que concorria ao cargo com o presidente do Sindicato das Instituições Financeiras (STIF), Aníbal Borges, conquistou o voto de 73 dos 125 votos dos delegados ao congresso contra 52 do seu adversário.

A lista encabeçada por Joaquina Almeida ganhou também a votação para assembleia geral, o conselho de disciplina e o conselho fiscal da central sindical.

Antes da escolha dos órgãos dirigentes, os delegados aprovaram a proposta de alteração dos estatutos da UNTC-CS, em relação a incompatibilidades e impedimentos, quotização, utilização de novas tecnologias nas reuniões de alguns órgãos e exercício das funções de secretário-geral a tempo inteiro.

Joaquina Almeida, que exercia o cargo de secretária-geral adjunta da UNTC-CS na anterior direção, teve o apoio do secretário-geral cessante, Júlio Ascensão Silva, que esteve à fente da UNTC-CS durante quase três décadas.

Fonte: Panapress

Notícias

Conselho de Ministros aprova lei que institui Zona Económica Especial de Economia Marítima em São Vicente

Missão empresarial de Cabo Verde em Portugal visita Marinha Grande para “aprender com os melhores” em investigação e design industrial

"Batuka". O novo video de Madonna com a Orquestra Batukadeiras

Ginástica Rítmica: Noa Veiga representa Cabo Verde no Mundial de Júniores na Rússia

São Tomé e Príncipe e Cabo Verde celebram acordo de supressão de vistos