Palácio da Cultura Ildo Lobo: Ciclo de exposições “Novos Talentos” encerra com “Rabiskus di Carbon”

A exposição “Rabiskus di Carbon” ficará patente na Galeria Incondicional (1º piso) até 30 de Setembro.

O Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas (MCIC), através da Direção Geral das Artes e das Indústrias Criativas (DGAIC), encerra a primeira edição do Ciclo de Exposições “Novos Talentos” neste mês de Setembro, com “Rabiskus di Carbon” do jovem Isaías Garcia.

O Ciclo de Exposições “Novos Talentos” arrancou no mês de Fevereiro deste ano. O Palácio da Cultura Ildo Lobo, na cidade da Praia, acolheu 12 exposições de artistas abrindo a “Casa da Cultura” para jovens talentos que procuram um espaço onde possam apresentar os seus trabalhos.

Durante oito meses o espaço “Novos Talentos” recebeu Tai Vieira “Complementares”; Carlos Lopes “Arte Oculta”, a dupla Adilo e Dora “dili”; Nuno Prazeres “Interculturidade Contemporânea”; Dilcia Cardoso “Nha Inspirason”; Ayrton Cruz “100 Tabu”; Hélder Cardoso “Primeru Passu”, Maria Costa “Fidjus di Téra”; Edson Garcia “Rabisku di Sentimentu”; Maria Borges “Paxenxa”; a dupla Nenass Almeida & Yuran Enrique “Extratos” e Isaías Garcia “Rabiskus di Carbon”.

A exposição “Rabiskus di Carbon” ficará patente na Galeria Incondicional (1º piso) até 30 de Setembro.

Isaías Garcia é um jovem autodidata do concelho de São Lourenço dos Órgãos, interior da ilha de Santiago, que através da técnica do realismo de pintura a lápis, grafite e carvão, vai retratando o dia a dia da comunidade, os rostos e as expressões.

Fonte: A Nação

Notícias

Associações açorianas vão celebrar protocolo “pioneiro” de cooperação com Cabo Verde

Fundação Maio Biodiversidade faz “balanço positivo” da campanha de protecção das tartarugas marinhas

Turismo de Cruzeiro: Santo Antão afirma-se no segmento de mercado dos navios de médio e pequeno porte

Governo lança obras de reabilitação das duas casas de Eugénio Tavares na Ilha da Brava

“Até hoje faltou um organismo capaz de dialogar com os empresários do sector turístico”