Capacidade de alojamento em Cabo Verde aumentou em 5,8% em 2018

Cabo Verde aumentou, em 2018, a sua capacidade de alojamento com mais nove estabelecimentos hoteleiros, um acréscimo de 5,8% face ao ano anterior, revelou ontem o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo dados do inventário anual realizado pelo INE, durante o ano passado estiveram em atividade 284 estabelecimentos hoteleiros, mais 3,3% que o ano anterior.

Esses estabelecimentos ofereceram uma capacidade de alojamento de 13.187 quartos, 21.046 camas e 27.860 lugares, traduzindo-se em acréscimos de 5,8%, 3,1% e 3,2% respetivamente, em relação ao mesmo período do ano anterior.

Em termos de capacidade hoteleira por ilha, o maior aumento ocorreu na Boa Vista, com um acréscimo de quatro estabelecimentos. Seguem-se as ilhas de Santiago, São Vicente, Fogo e Sal com 53, 48, 31 e 30 estabelecimentos, respetivamente, representando 18,7%, 16,9%, 10,9% e 10,6%.

Registaram-se acréscimos também nas ilhas de Santo Antão, São Vicente e Santiago, com igual acréscimo de três estabelecimentos, face ao ano anterior. Nas restantes ilhas ocorreram decréscimos de um estabelecimento.

Em relação ao tipo de alojamento, verificou-se maior aumento nas pensões, com mais 26 estabelecimentos, face ao ano 2017 devido a reclassificação dos estabelecimentos. São seguidas dos hotéis (+4), hotéis-apartamentos e pousadas com igual acréscimo (+1) cada.

Os dados do INE indicam, que as pensões passaram a ser os estabelecimentos com maior peso, representando cerca de 31% do total, ficando as residenciais e os hotéis em segundo e terceiro lugares com 28,9% e 25,7%, respetivamente.

De acordo com a mesma fonte, os hotéis continuam a empregar o maior número de pessoas, representando cerca de 84,3% do total do pessoal. Seguem-se as pensões e os aldeamentos turísticos, com 5,6% e 3,4% respetivamente.

A ilha do Sal continua a ser a ilha com maioria do pessoal empregado nos estabelecimentos de alojamento turístico. Cerca de 54 em cada 100 empregados dos referidos estabelecimentos estão nessa ilha, seguida da Boa Vista, com 24,8% e de Santiago com 8,8%.

Segundo o INE, a capacidade total dos restaurantes dos estabelecimentos hoteleiros passou de 20.162 para 22.394 lugares sentados, correspondendo a uma variação de 11,1%, face ao ano anterior.

Em média, os hotéis oferecem uma capacidade de 277 lugares sentados, sendo que a maior capacidade passa a ser oferecida pelos hotéis da ilha da Boa Vista, com uma média de 622 lugares sentados.

Fonte: Sapo CV

Notícias

Governo nomeia dirigentes do Instituto do Turismo

Porto Novo: Governo vai investir seis mil contos para apoiar 40 agricultores com o sistema de rega gota-a-gota

Cabo Verde no Fórum Africano para Cultura de Paz com 12 artistas

Hotel e Casino da Praia concluídos até ao final de 2020

​Fogo acolhe em Novembro a 10ª Reunião de ministros do Turismo da CPLP