Verbas para instalação do Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias alocadas no OE para 2020

As verbas para instalação do Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias em Santo Antão serão inscritas no Orçamento do Estado (OE) para 2020, informou o ministro de Estado, dos Assuntos Parlamentares e da Presidência do Conselho de Ministros.

Fernando Elísio Freire, que esteve, segunda-feira, de visita a Porto Novo, no âmbito das comemorações do Dia do Município (2 de Setembro), assegurou que “brevemente” o Conselho de Ministros vai aprovar o diploma que cria, formalmente, o Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias de Santo Antão.

As verbas que permitem instalar esse instituto, já no decurso do ano letivo 2019/2020, vão ser alocadas no OE para o próximo ano, segundo este governante.

O Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias de Santo Antão será uma unidade orgânica da Universidade Técnica do Atlântico, “uma das três instituições-pilares” do Campus do Mar, criado em Julho e que está “em processo de institucionalização”.

O Instituto Superior de Ciências e Tecnologias Agrárias de Santo Antão, cuja instalação conta com a parceria de catedráticos do Instituto Superior de Agronomia de Lisboa, deverá iniciar com os primeiros cursos já em 2020, abarcando áreas como a agricultura, pecuária, água, floresta e energias renováveis.

Fonte: Sapo CV

Notícias

Cabo Verde não deve competir pelo preço com outros destinos turísticos, avisa CEO da Oásis

Projeto "Volunturismo" movimenta cerca de 30 turistas para São Vicente

Santa Cruz: Autarquia quer transformar município num destino turístico de excelência

Porto Novo recebe investimentos privados nas pescas à volta de 70 mil contos

São Vicente vai acolher missão empresarial alemã com foco nas energias renováveis