São Domingos: Iniciadas obras de reabilitação da Igreja de Nossa Senhora da Luz

As obras de reabilitação da Igreja de Nossa Senhora da Luz, em Alcatraz, no concelho de São Domingos, orçadas em 18 mil contos, já arrancaram e estarão concluídas num prazo de seis meses.

Traçado pelo arquiteto da diocese de Santiago, Crisanto Vaz, este projeto enquadra-se no Eixo IV do Programa de Reabilitação Requalificação e Acessibilidade (PRRA).

A informação foi avançada pela edilidade local, na sua página do Facebook, realçando que se prevê a reposição da cobertura, picagem e novo reboco nas fachadas, revestimento do piso em tijoleira, assim como substituição das portas e janelas.

“Além de reabilitar a Igreja, é pretensão, da edilidade local, implementar no espaço um Centro Interpretativo de Alcatraz, de modo a preservar o património histórico-cultural da antiga Capitania do Norte, Património Cultural do Município de São Domingos”, garantiu.

Segundo a autarquia de São Domingos, na quinta-feira, 7, as equipas do Instituto do Património Cultural (IPC), edilidade local e Instituto Cabo-verdiano da Construção, acompanhadas do pároco local, visitaram o espaço para acompanharem o arranque das obras.

A Igreja de Nossa Senhora da Luz, um edifício histórico construído aquando do povoamento da ilha de Santiago, sofreu “alguma descaracterização” na década de 80, conforme a autarquia, por causa da criação de anexos e outros espaços adjacentes.

Alterações essas que, segundo a mesma fonte, o Instituto do Património Cultural (IPC), em parceria com a diocese de Santiago e a edilidade local pretendem regularizar.

Este projeto foi financiado pelo Governo, no quadro do Plano Nacional de Reabilitação dos Edifícios Históricos, traçado pelo Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, através do IPC.

Fonte: Sapo CV

Notícias

Projecto Resgate Final vai recuperar oito mil documentos relacionados à história de Cabo Verde

São Vicente: Garoupas derivadas de pesca sustentável já estão a ser comercializadas em Mindelo

São Vicente: Governo propõe plano para o desenvolvimento sustentável das pescas até 2030

Fogo: Cospe e FG Turismo celebram protocolo para fortalecer competências da associação