Economia Moderna

Após a independência os sucessivos governos de Cabo Verde têm obtido resultados a todos os títulos dignos de registo, ainda mais tendo em conta que a população residente mais que duplicou, exacerbando as exigências que historicamente tornaram difícil a condução pública da Economia neste país. Destaque-se a manutenção da paridade do escudo ao Euro, a privatização e a internacionalização bem sucedidas da Banca, o regular funcionamento de uma Bolsa de Valores Mobiliários, a concretização de grandes projetos de obras públicas, sobretudo no setor aeroportuário e viário, e a modernização da administração pública como alguns dos esteios que sustentam a evolução muito positiva da economia cabo-verdiana.

Como se torna claro, nem bastaria que a condução pública da economia fosse correta, ou até excelente, se a sociedade civil não desenvolvesse a dinâmica que conduz ao crescimento e à criação de riqueza. A construção civil, a imobiliária turística, a instalação de alguma indústria, em especial de bebidas e confeções, e sobretudo a indústria dos transportes e do turismo têm sido algumas das locomotivas que dinamizam a economia do país.

Um terceiro elemento determinante no sucesso económico de Cabo Verde prende-se com ajudas internacionais, que têm sido generosas, mas que quer o setor público quer o setor privado têm repetidamente justificado e incentivado pela boa gestão que tem feito delas.

Após a independência os sucessivos governos de Cabo Verde têm obtido resultados a todos os títulos dignos de registo, ainda mais tendo em conta que a população residente mais que duplicou, exacerbando as exigências que historicamente tornaram difícil a condução pública da Economia neste país. Destaque-se a manutenção da paridade do escudo ao Euro, a privatização e a internacionalização bem sucedidas da Banca, o regular funcionamento de uma Bolsa de Valores Mobiliários, a concretização de grandes projetos de obras públicas, sobretudo no setor aeroportuário e viário, e a modernização da administração pública como alguns dos esteios que sustentam a evolução muito positiva da economia cabo-verdiana.

Como se torna claro, nem bastaria que a condução pública da economia fosse correta, ou até excelente, se a sociedade civil não desenvolvesse a dinâmica que conduz ao crescimento e à criação de riqueza. A construção civil, a imobiliária turística, a instalação de alguma indústria, em especial de bebidas e confeções, e sobretudo a indústria dos transportes e do turismo têm sido algumas das locomotivas que dinamizam a economia do país.

Um terceiro elemento determinante no sucesso económico de Cabo Verde prende-se com ajudas internacionais, que têm sido generosas, mas que quer o setor público quer o setor privado têm repetidamente justificado e incentivado pela boa gestão que tem feito delas.

Autoria/Fonte

Armando Ferreira

Notícias

Integração da comunidade imigrada da costa africana em São Vicente tem sido normal, diz edil

Abertas as candidaturas para o prémio "Inovação e Empreendedorismo" da III Edição do Somos Cabo Verde - Os Melhores do Ano"

Cabo Verde e ilhas Canárias juntas para "crescimento azul"

Presidente cabo-verdiano visita Portugal e Espanha

Primeiro casino de Cabo Verde já criou 100 postos de trabalho diretos

Japão oferece a Cabo Verde três mil e 703 toneladas de arroz

Encontro de Literatura em Portugal: Ex-Presidente Jorge Sampaio preside à sessão de abertura do ciclo de debates

Governo vai investir 2 milhões de contos no Programa completo de desencravamento em Santiago

Regionalização: Gualberto do Rosário analisa propostas do Governo

Cape Safety: Empresários de restauração aplaudem impacto da certificação de qualidade

Porto Novo: Governo disponibiliza 35 mil contos para habitações

TEDx chega pela primeira vez a Cabo Verde para ligar país ao mundo e à diáspora

Cabo Verde reabre "brevemente" concurso para logótipo de candidatura da morna à UNESCO

Cabo Verde e EUA renovam assinatura dos TRPATI

CC do MCA-Cabo Verde II reúne-se no Sal para aprovar os instrumentos de gestão

Ulisses Correia e Silva quer impulsionar o desenvolvimento turístico do Tarrafal

Ministro Abraão Vicente participa no Festival Literário de Macau

Santa Cruz: Câmara homenageia os seus “mestres” no mês da cultura

Carnaval do Mindelo: Vindos do Oriente é o grande vencedor

Governo vai gastar 50 mil contos para requalificar o Centro de Artesanato de Mindelo

Cabo Verde pede mais apoio da Greenpeace para monitorizar mar e pescas